5 de mai de 2018

Como rezar o terço?

Inicie: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!

Em seguida, reza-se a oração do Creio e do Pai-Nosso, três Ave-Marias e o Glória ao Pai.
Depois de realizadas essas orações, contempla-se, antes de cada dezena, o mistério do Terço rezado naquele dia.
Segundo a prática corrente na Igreja:

As segundas-feiras e os sábados são dedicados aos mistérios da alegria – “gozosos”:
1º mistério: Anunciação do anjo a Maria
2º mistério: Visitação de Maria a Santa Isabel
3º mistério: Nascimento do Menino Deus
4º mistério: Apresentação de Jesus no Templo
5º mistério: Perda e encontro de Jesus

As terças e sextas-feiras são dedicadas aos “mistérios da dor”:


1º mistério: Oração e agonia de Jesus no Getsémani
2º mistério: Flagelação de Cristo
3º mistério: A coroação de espinhos
4º mistério: A subida ao Calvário
5º mistério: A morte na cruz

As quarta-feiras e os domingos são dedicados aos “mistérios da glória”:

1º mistério: Ressurreição do Senhor
2º mistério: A ascensão de Jesus
3º mistério: Pentecostes – A vinda do Espírito sobre Maria e os apóstolos
4º mistério: Maria assunta aos céus
5º mistério: Maria coroada Rainha dos anjos e dos santos

A quinta-feira é dedicada aos “mistérios da luz”.

1º mistério: Batismo de Jesus no Jordão
2º mistério: Milagre de Jesus nas bodas de Caná
3º mistério: Anúncio do Reino de Deus com um convite à conversão
4º mistério: Transfiguração do Senhor
5º mistério: Instituição da Eucaristia

Depois de contemplar o mistério referente à dezena rezada, recita-se um Pai-Nosso e dez Ave-Marias.

Finaliza-se o Santo Terço com a Oração da Salve-Rainha.

Abaixo seguem as orações do Santo Terço:

Creio

Creio em Deus Pai Todo-Poderoso, criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, Seu único Filho Nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai Todo-Poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne e na vida eterna. Amém.

Pai-Nosso

Pai nosso que estais nos céus, santificado seja o Vosso nome, venha a nós o Vosso reino, seja feita a Vossa vontade, assim na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje e perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido. Não nos deixeis cair em tentação, mas nos livrai do mal. Amém.

Ave-Maria

Ave-Maria, cheia de graça! O Senhor é convosco e bendita sois vós entre as mulheres. Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria Mãe de Deus, rogai por nós, os pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Glória ao Pai

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo. Assim como era no princípio, agora e sempre, e por todos os séculos dos séculos. Amém.

Salve Rainha

Salve Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve! A vós bradamos os degradados filhos de Eva. A vós suspiramos, gemendo e chorando neste vale de lágrimas. Eia pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei. E depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto de vosso ventre. Ó clemente! Ó piedosa! Ó doce sempre Virgem Maria! Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém.

“À luz da própria Ave-Maria, bem entendida, nota-se claramente que o carácter mariano não só não se opõe ao cristológico como até o sublinha e exalta” (Rosarium Virginis Mariae).

Formação Canção Nova
Postar um comentário